quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Donizete Galvão (1955-2014)


Donizete Galvão (1955-2014)














Lamento profundamente o falecimento do poeta DONIZETE GALVÃO. Seu livro "Ruminações" é um dos meus preferidos dentre os poetas contemporâneos. Uma grande perda, também pela pessoa solícita e íntegra, que sempre demonstrou cortesia em todas as vezes que tivemos contato (ainda que apenas via web e correios). Donizete nasceu em Borda da Mata, Minas Gerais, em 1955. Publicou Azul navalha (1988), As faces do rio (1991), Do silêncio da pedra (1996), A carne e o tempo (1997), Ruminações (1999), Mundo mudo (2003) e O homem inacabado (2010). Faleceu em São Paulo na madrugada do dia 30 de janeiro de 2014.

Nenhum comentário: