segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

revista amálgama, 10 anos

amálgama número 1, janeiro de 2002



Há dez anos, em janeiro de 2002, na livraria DesLivres, localizada então na av. Nossa Senhora de Fátima, lançamos a primeira edição da revista literária amálgama. Contando com pouca coisa além da cara e da coragem, e enfrentando mil contratempos de última hora que por pouco não inviabilizaram o projeto, tivemos que concluir a editoração artesanalmente faltando poucas horas para o lançamento. Na época, tínhamos como editores Adriano Lobão Aragão, Hermes Coelho, Jeferson Probo, Sérgio Batista e Washington Ramos. Dentre as definições de amálgama que apresentamos no editorial, constava: “5. Revista mensal preparada em Teresina por diferentes visões, vivências e literariedades. Designação genérica da produção crítica e literária divulgada pela revista. Os editores desta revista. 6. Não apenas os poemas, mas a poesia. 7. O ideal de que a arte existe para melhorar a qualidade de vida das pessoas. A certeza de que escrever é necessário. Necessário quando inevitável, como uma necessidade orgânica inevitável, como comer, dormir e viver. Ou desejar. 8. O desejo pela mistura de todas as linguagens. A linguagem da linguagem. A possibilidade de amalgamar sempre. 9. Todas as palavras.


Aos que se interessarem, a 1ª edição completa está disponível em pdf neste link: amalgama 1 


Jeferson Probo, Adriano Lobão, Sérgio Batista e Washington Ramos

2 comentários:

Airton Sampaio disse...

Já? O tempo voa...

Adriano Lobão Aragão disse...

realmente, airton, o tempo voa. daí a necessidade constante de novas realizações para enfrentarmos as vicissitudes que insistem em não mudar. abraço