revista amálgama, 10 anos

amálgama número 1, janeiro de 2002



Há dez anos, em janeiro de 2002, na livraria DesLivres, localizada então na av. Nossa Senhora de Fátima, lançamos a primeira edição da revista literária amálgama. Contando com pouca coisa além da cara e da coragem, e enfrentando mil contratempos de última hora que por pouco não inviabilizaram o projeto, tivemos que concluir a editoração artesanalmente faltando poucas horas para o lançamento. Na época, tínhamos como editores Adriano Lobão Aragão, Hermes Coelho, Jeferson Probo, Sérgio Batista e Washington Ramos. Dentre as definições de amálgama que apresentamos no editorial, constava: “5. Revista mensal preparada em Teresina por diferentes visões, vivências e literariedades. Designação genérica da produção crítica e literária divulgada pela revista. Os editores desta revista. 6. Não apenas os poemas, mas a poesia. 7. O ideal de que a arte existe para melhorar a qualidade de vida das pessoas. A certeza de que escrever é necessário. Necessário quando inevitável, como uma necessidade orgânica inevitável, como comer, dormir e viver. Ou desejar. 8. O desejo pela mistura de todas as linguagens. A linguagem da linguagem. A possibilidade de amalgamar sempre. 9. Todas as palavras.


Aos que se interessarem, a 1ª edição completa está disponível em pdf neste link: amalgama 1 


Jeferson Probo, Adriano Lobão, Sérgio Batista e Washington Ramos

Comentários

Airton Sampaio disse…
Já? O tempo voa...
realmente, airton, o tempo voa. daí a necessidade constante de novas realizações para enfrentarmos as vicissitudes que insistem em não mudar. abraço